RABAS




– Ontem, o meu jantar soube-me que “nem ginjas”!
– Ah, sim o que foi?
– Ah, ah nem vais acreditar… Comer de porco!
– Comer de porco? Carne de porco, queres dizer.
– Nã,…nã…nã…; comer de porco…!
– Essa é nova!
– Burrinha. Bacalhau com rabas. Diz-te alguma coisa?
– Bacalhau sim, rabas não!

………..

E começa a lenga-lenga de dizer, que há hábitos irritantes, para o resto dos comuns, nascidos na minha cidade. Eu tenho o habitozinho, de entrelaçar emoções, memórias e sabores.
Neste caso comida e memória é laço reforçado. Dois fios que se encontram unidos por vivências comuns.
Para além do sentir das matizes e todas as variações de cores e afectos, conseguiu a minha santa avozinha eternizar o sabor de um tubérculo, vincando as muitas lembranças que ainda hoje dela transporto.
O par de dança “Bacalhau / Rabas”, provavelmente apenas conhecido, pelos naturais transmontanos, baila no meu prato, (graças a um bom amigo da aldeia de Montezinho).
Trata-se de um produto hortícola, que a maioria das gentes de Trás os Montes cultiva e dá ao porco.

Embora considere, que comer é (também) um acto eminentemente social, atenção, não me atreveria a comer com o dito animal. Mas não vale a pena mascarar emoções, as pessoas gostam do que gostam, e eu gosto do que o porco come!

É um laço, que dificilmente se desfará.

Artigo seguinte
Deixe um comentário

6 comentários

  1. Isa

     /  20/11/2010

    A minha avó, que só vi uma vez, fazia "batatas de porco", uma delícia que só uma vez provei e nunca mais esqueci o paladar. Sabe o que era? Feijoada de abóbora, sem ponta de carne, hehehe!Beijo

    Responder
  2. EduardaLia o teu artigo e ia-me perguntando: mas onde é que ela desencantou as rabas? Lá mais para diante fiquei esclarecida.Creio que, de facto, só os transmontanos (todos?) sabemos o que isso é, mas nem todos os dicionários ignoram a palavra:Raba, De rábão. Séc. XVII: As rabas são huma especie de nabos, da mesma natureza que elles, Dr. Francisco da Fonseca Henriques, Ancora Medicinal. A transcrição é do Dicionário Etimológico da Língua Portuguesa, de José Pedro Machado.Se formos ver "Rábão", diz-nos que vem do latim hispânico rapanu com origem no grego ráphanos. Rábao já se usava no séc. XVI, como prova esta citação de Gil Vicente, do "Quem tem Farelos?":Toma hum pedaço de pam / e hum rabam engelhado, / e chanta nelle bocado / coma cam .Beijos

    Responder
  3. Olá Isa!Desconhecia as "batatas de porco", mas acredito que as nossas avós, tinham uma boa mão para a cozinha.Assim qualquer caldo, ficava um mimo.E muitas saudades tenho dos caldos e dos "calduços" da minha avó.Beijo grande

    Responder
  4. FátimaÉs um poço sem fundo, em conhecimento. Obrigada por te disponibizares na informação.Crê que a absorvo, de boa fé, tal como faço, com tudo o que me ensina a não ser uma sedentária mental.Aprendi que enriquecimento é isso mesmo.Conhecer e oferecer.Lembras-te por certo do Fleming, se ele não tivesse aproveitado,"lixo", se calha hoje morreriam muitos mais.Quanto às rabas, digo-te que estavam bem boas.A seguir vou fazer casulas.Um beijo grande e mais uma vez obrigada.

    Responder
  5. Eu, que não sou transmontana gostava de saber o que são rabas. Será da familia dos rabanetes? Ou será como me parece na foto, da famila das beterrabas?Pode esclarecer-me?Nuito obrigada e já agora porque não me faz uma visita?www.hoticasa.blogspot.combj eugenia

    Responder
  6. Cara EugéniaGrata pela sua visita.Penso que a resposta, mais clara se encontra no comentário da minha amiga Fátima, posso no entanto dizer-lhe que se trata de um tubérculo, que após cozinhado tem um sabor entre a cenoura e o nabo,e fica de côr alaranjada.Prometo que vou dar um salto ao seu cantinho.Um abraço

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: